Blog

Publicações & Novidades

publicado em 15 de outubro de 2019

Profissão professora! Meus 10 motivos

Nesse dia 15.10, Dia do Professor, eu faço uma reflexão sobre um novo e importante passo na minha carreira. Perdi as contas de quantas vezes fui convidada para lecionar. Em todas, eu recusei. Filha de uma professora apaixonada pelo ofício (prestes a aposentar, inclusive, e ser avó em tempo integral ❤??), não me via em sala de aula, aliás, eu abominava essa ideia.

Sei lá, talvez por ver os perrengues da profissão (como se no Jornalismo não tivesse…), a falta de reconhecimento, ou talvez porque sempre achei que meu perfil era mais para o mercado editorial e, posteriormente, o mercado de assessoria e consultoria.

Fato é que, depois de 90 dias de dedicação integral a mim, a volta ao mercado vem de uma forma surpreendente: de amor e entrega à sala de aula. Sim! Investir nos treinamentos, mentorias, manter diálogo constante com meus alunos/coachees/mentorados tem sido uma das melhores escolhas na carreira que eu poderia ter feito nesta fase.

Claro que isso tem lá suas razões e cito algumas, que talvez possam te ajudar a refletir sobre sua carreira e sua vida também:

  1. PROPÓSITO: Saber eu já sabia, mas assumi e me abri para o meu real propósito nesse mundo. Incentivar, influenciar, impactar, contribuir com o desenvolvimento humano por meio da Comunicação;
  2. AGREGAR: Listando algumas experiências adquiridas ao longo de 20 anos de mercado, percebi que cheguei a um nível de conhecimento no qual sinto necessidade de passar adiante, e, assim, agregar valor a minha carreira e na do próximo;
  3. SEGURANÇA: Me sinto preparada e segura para essa transição na minha carreira. Não confio em quem, com pouco experiência, se arrisca a ensinar, tive péssimos exemplos de professores assim ainda na minha graduação. Assim foi quando resolvi partir para assessoria de comunicação: antes passei por todos os meios de comunicação para conhecer a fundo o “outro lado”. Levar conhecimento a líderes, porta-vozes, stakeholders, gestores, exige muito, muito mesmo e é desafiador. Foram necessários 20 de atuação profissional para decidir por essa nova atuação, porque sou exigente e quero fazer o melhor;
  4. ZONA DE CONFRONTO: Amo desafios e o frio na barriga que isso traz. Não sou mulher de ficar na zona de conforto, mas sim na zona de confronto, de aprendizado, de buscar níveis mais elevados sempre;
  5. VULNERABILIDADE: Tenho aprendido que ser e estar vulnerável é bom, sadio e nos faz lembrar da nossa humanidade perante ao mundo e as pessoas. Não tem nada a ver com fraqueza e/ou fragilidade;
  6. FORÇA: Sempre acreditei que a mudança nos fortalece e nos garante uma estrutura cada vez mais sólida perante ao que nos rodeia;
  7. PROTAGONISMO: Hoje vejo que lidar com transições (em qualquer área que seja) nos traz pertencimento, protagonismo e leveza em meio a metamorfose das nossas trajetórias. Jesus é o dono da nossa história, mas somos participantes com Ele da criação e execução de cada capítulo;
  8. SINTONIA: Estar em sintonia com nossas transformações é mágico, único e surpreendente!
  9. RESSIGNIFICACÃO: O medo e a insegurança iniciais em um processo desses se tornam catalisadores de crescimento, amadurecimento e resultados, se bem administrados. E isso nos dá um baita orgulho. Ressignificar o que já passou é uma importante chave para um caminho de vitória;
  10. Poderia listar muito mais, no entanto, deixo aqui a principal: GRATIDÃO! A Deus pelos dons e por toda capacitação. A todos que fazem parte da minha trajetória; a quem me inspira; a quem tenta me desanimar e acaba me mostrando o quanto posso ir além; a quem tenta me imitar e acaba estimulando minha criatividade; a quem me critica e contribui para meu marketing pessoal; a quem me deu e dá oportunidade de estar sempre inovando e avançando rumo a níveis cada vez mais elevados! Rumo ao novo, ao movimento, as novas metas.

Feliz Dia do Professor.

 

KAROL GARCIA –  Consultora, coach, analista comportamental e mentora em Comunicação. Com 20 anos de experiência no mercado, Karol Garcia é especialista em Gestão de Imagem e Gerenciamento de Crise, com atuação em Comunicação Pública e Corporativa.  Graduada em Jornalismo, trabalhou nos principais veículos de comunicação do Estado e no mercado do Distrito Federal. Foi secretária de Inovação e Comunicação de Cuiabá, consultora de grandes entidades e empresas do agronegócio.

É vencedora do Prêmio Sebrae de Jornalismo, na categoria Telejornalismo. Referência em palestras, mentoria e treinamentos na área de Comunicação aliada ao Desenvolvimento Humano. Em 2018 criou a KG Estratégia & Gestão em Comunicação, uma agência de Comunicação multidisciplinar que atua desde a concepção de projetos na área até execução e monitoramento, com assessoria, consultoria, entre outros.